Como manter o smartphone seguro

Olá a todos!

Com o nosso atual contexto socioeconômico, infelizmente, é cada vez mais comum furtos e roubos de smartphones. Quando isso acontece nos revoltamos imediatamente com o prejuízo financeiro, a impotência para solução do problema e a certeza da impunidade por quem pratica esses crimes.

Então vem a segunda onda: mais desolação do que revolta. E agora? Como fazer para recuperar os dados do meu aparelho roubado? E como impedir que os meliantes tenham acesso a estes dados?

Esse post é um apanhado de algumas experiências e são principalmente indicados aos usuários de Android. Para você usuário de iPhone, adoraria receber seu comentário de como faz para se proteger.

Então vamos lá!

Informações básicas que precisará

Antes de mais nada é importante que saiba as informações básicas a respeito de seu telefone, como por exemplo:

  • O número IMEI do seu smartphone: você pode descobrir facilmente digitando no telefone #*06*
  • O e-mail e senha utilizado para o cadastro na Play Store: se comprou um telefone usado volte aos padrões de fábrica e configure-o novamente com os seu dados

Primeira etapa, impedir o acesso não autorizado

Não deixe para pensar sobre isso quando for tarde demais. Todos estamos sujeitos a invasão de privacidade e devemos nos proteger quanto aos intrusos.

Tenho uma ampla vivência profissional com aparelhos ANDROID prestando suporte e treinamento com diversos usuários. Durante este período experimentei diversos aplicativos gratuitos e entrarei em detalhes de como aproveitar melhor os recursos de cada um deles em prol de sua segurança.

A minha sugestão é a utilização do CM Security Antivirus Applock : uma solução gratuita que protege o aparelho contra vírus, bloqueia com senha a entrada a aplicativos, rastreia o telefone e testa a velocidade da conexão.

Etapas de utilização:

Os principais pontos são tratados na lista abaixo:

1 – Procura por vírus e falhas de segurança: logo após a instalação do aplicativo esta será sua primeira etapa. Execute o antivírus e resolva os problemas de segurança

2 – APP Lock: proteja com senha os aplicativos que não deseja que sejam acessados por outras pessoas que não você. Whatsapp, Snapchat, Galeria de Imagens, Gerenciador de arquivos são algumas das sugestões de aplicativos que devem ser bloqueados.

Parto do seguinte princípio ao definir os aplicativos que serão bloqueados: se não deve ser para qualquer pessoa utilizar, deve ser bloqueado.

Tipo de senha e opção de bloqueio: o CM Secutiry permite desbloquear o aparelho através de uma foto na camera, de uma padrão de desenho ou por um código PIN. Sugiro a utilização da proteção por um código PIN (código composto por 4 números) pelo seguinte motivo: se você digita sempre o mesmo padrão é provável que o contorno deste padrão tenha a marca dos seus dedos na tela do smartphone. Contra este problema o CM Security oferece a opção de um teclado aleatório ao digitar o PIN.

Foto do intruso: por padrão o intruso é fotografado na terceira tentativa errada de desbloqueio. Esse recurso é fantástico e o configuro para registro de foto na segunda tentativa errada. Além disso utilizo a opção de enviar esta foto para o meu e-mail. Dessa forma, se o smartphone for roubado ou perdido há uma grande chance de identificação da pessoa que está em poder deste aparelho.

Tomadas estas simples medidas seu aparelho estará protegido contra o acesso não autorizado.

Segunda etapa, backup de todos os seus dados

Agora você já tem os seus dados protegidos, mas não tem os dados em suas mãos caso precise de um novo aparelho. A solução é um aplicativo para backup chamado Backup Your Mobile disponível na Play Store.

Este aplicativo fará o backup de todos os seus contatos, chamadas, mensagens, lista de aplicativos utilizados e etc. Uma grande vantagem deste aplicativo e que deve ser explorada é a possibilidade de conectar o seu aparelho com sua conta do Google Drive ou do Dropbox, enviando o backup do aparelho para a nuvem.

Configurado o Backup Your Mobile desta forma, todos os seus backups estarão disponíveis na nuvem e, uma vez que perder o seu smartphone, poderá rapidamente restaurar seus dados em qualquer outro smartphone apenas conectando-o com seu Google Drive para restaurar o backup.

E as minhas fotos?

Uma questão pertinente a quem utiliza muito o seu smartphone como câmera fotográfica é como recuperar as fotos em caso de perda do aparelho.

A grande maioria dos dispositivos ANDROID permite a utilização de cartão de memória e também a vinculação da câmera com o Google Fotos, Flickr, One Drive ou Dropbox. Mais adiante neste artigo explicarei porque sugiro armazenar suas fotos no cartão de memória. Configure o seu dispositivo para enviar suas imagens para algum serviço na nuvem e nunca mais a perca.

Nesse momento sua privacidade está protegida e seus dados podem facilmente serem recuperados.

Terceira etapa, cuide bem de sua segurança

Não se preocupe apenas com o seu smartphone, por maior que seja o prejuízo, outro poderá ser comprado e você já está precavido.

  • Evite andar distraidamente com o smartphone em mãos, principalmente quando estiver em locais de pouco movimento.
  • Cuidado com o smartphone em grandes eventos: é comum nessas situações furtos de smartphones.
  • Acima de tudo, cuide de sua integridade física, confie sempre com um pé atrás e olhos atentos.
  • Se está em uma situação de risco, não exite em pedir ajuda. Procure por locais iluminados, grupos de pessoas aos quais pode se integrar, estabelecimentos comerciais
  • Não estampe medo e insegurança: pessoas má intencionadas tem um faro especial para este tipo de situação.
  • Evite atitudes desesperadas pois as mesmas podem gerar consequências inesperadas. Gritar, correr ou tentar reagir podem causar uma reação violenta por parte do meliante. Nosso objetivo principal SEMPRE é chegar bem em casa

Quarta etapa, instale um rastreador em seu telefone

Apesar de o CM Security possuir uma ferramenta para rastreio do telefone, a mesma só funciona bem em casos onde você possui apenas um smartphone.

Por isso, sugiro uma solução mais completa que é a instalação do Android Lost . Este aplicativo simples e gratuito oferece uma boa gama de opções para rastreio do aparelho. Uma vez instalado e aberto o usuário deve acessar o site www.androidlost.com para efetuar o cadastro do seu dispositivo. Por padrão o mesmo vem com o nome de modelo, sugiro alteração para um nome amigável.

Apenas ressaltarei os itens que considero mais importante e te convido a explorar o site e todas as suas funcionalidades:

  1. Vibrar, alarme e falar: se você perdeu o telefone e não o encontra você pode fazê-lo vibrar, tocar o alarme do despertador ou falar uma mensagem. Esta última opção é particularmente interessante para um telefone perdido em um restaurante ou um taxi por exemplo.
  2. Localização do GPS e status: receba pelo site qual a última localização GPS enviada pelo telefone com visualização no Google Maps. Confira como está o status de bateria, sinal de telefone, se está conectado a algum Wi Fi, etc.
  3. Fotos e sons: você pode acionar remotamente as câmeras dos aparelhos ou pode solicitar que o aparelho grave os sons ao redor. Estes recursos são muito interessantes para um momento onde acabou de ser roubado, visto que são consideráveis as chances de você obter informações acerca dos ladrões.
  4. Apagar cartão de memória e dados do telefone: feitas as etapas anteriores você terá segurança para zerar completamente o seu telefone. Devido a essa opção sugeri o armazenamento das fotos no cartão de memória, uma vez no cartão SD, todas serão apagadas com sucesso.

Quinta etapa, registre a ocorrência

Caso aconteça algum roubo, a etapa de rastreamento tem boas chances de nos trazer informações importantes que possam ajudar a polícia a localizar o ladrão. Enquanto mais tarde a mesma acontecer, menores serão as chances de um rastreamento efetivo.

Portanto, se você foi roubado, procure um local seguro como uma escola, um estabelecimento comercial ou algo do tipo, informe sobre o ocorrido e peça ajuda.

  • Peça para acessar a internet e entre no site do androidlost para tentar encontrar informações que possam ajudar nas buscas
  • Acione a polícia e aguarde a chegada para a realização do boletim de ocorrência

Geralmente a frustração por um bem roubado e o baixo índice de recuperação destes bens, bem como a comum demora na chegada da viatura e o medo de retaliação por parte dos bandidos faz com que uma quantidade razoável de crimes não tenham seus boletins de ocorrência registrados.

Surtir efeito ou não varia em cada caso. Independente disso, acredito que é nosso dever enquanto cidadão de bem lesado, fornecer as informações para que as polícias e o poder público tenham estatísticas sobre a criminalidade e possam tomar atitudes de planejamento e busca por suspeitos.

Além disso, há uma ferramenta muito interessante chamada Onde Fui Roubado http://www.ondefuiroubado.com.br/ que é uma plataforma social para informar sobre crimes. Registre sua ocorrência também nesta ferramenta pois os dados estão disponíveis a todos os cidadãos.

O site ainda permite criar radares para analisar a criminalidade em regiões de seu interesse e fornece estatísticas sobre essa região.

Fiz tudo isso e não consegui recuperar o meu aparelho, e agora?

Você fez tudo o que estava a seu alcance para se precaver e para tentar reaver seu bem roubado mas infelizmente não surtiu o efeito que esperava. O prejuízo financeiro existirá mas sua privacidade estará protegida e poderá rapidamente configurar um novo celular.

Resta nessa etapa bloquear seu chip e seu aparelho afim de que o ladrão não possa dar um uso ao aparelho.

  • Notifique imediatamente a operadora sobre o roubo e solicite o bloqueio do chip
  • Com o número do IMEI do aparelho em mãos  solicitar que prestadora inclua o aparelho no CEMI (Cadastro Nacional de Estações Móveis Impedidas), a fim de impedir a utilização do aparelho celular em todo o Brasil.

Dessa forma, nem seu chip e nem seu aparelho poderão ser utilizados no Brasil novamente.

Importante também lembrar que quem compra equipamentos de prodecência desconhecida contribui amplamente para os grandes índices de criminalidade e violência que experimentamos em nosso dia a dia.

Este post passará por revisões futuras onde os comentários de vocês farão toda a diferença.

Espero ter ajudado e torço para que tenhamos cada vez menos este tipo de preocupação.